Seekr Blog

A Seekr, assim como você, ama ficar ligada nas principais tendências das
redes sociais e aqui você encontra conteúdos sobre
relacionamento, monitoramento e atendimento nas mídias sociais.

Resumo da semana: Brasil tem menos tablets e mais Wi-Fi

Notícias - Publicado em 16 de Outubro de 2015

Venda de tablets cai 35% no 2º trimestre no Brasil
Pesquisa divulgada essa semana pelo IDC Brasil mostra que as vendas de tablets caiu 35% no segundo trimestre de 2015 em comparação com o mesmo período de 2014 e 29% se comparado ao primeiro trimestre deste ano. A consultoria revelou ainda que foram vendidos 401 mil tablets em abril, 421 mil em maio e 446 mil em junho. O analista de pesquisas da IDC Brasil, Pedro Hagge, explica que a o momento econômico é o “vilão” da história. “Empresas menores, que importavam seus produtos de olho no bom desempenho do mercado, acabam imigrando para outro país que esteja vivendo um momento econômico melhor”, explicou. Além disso, o analista explica que a popularização dos smartphones de tela grande também contribuem para a diminuição das vendas.

 

Forbes publica lista dos 10 YouTubers que mais ganharam dinheiro no último ano
Pela primeira vez, a Revista Forbes produziu uma lista dos milionários da criação de conteúdo em vídeo. De acordo com dados levantados entre junho de 2014 e junho de 2015, a publicação descobriu quem são os 10 youtubers que mais faturam com seus canais. A lista (que não tem nenhum brasileiro) é encabeçada pelo sueco Felix “Pewdiepie” Kjellberg, que teria recebido US$ 12 milhões só no último ano pelas contas da Forbes com seu canal, a publicação de um livro e uma série de TV ainda não anunciada. Veja a lista completa com mais detalhes de cada canal, aqui.

 

Brasil tem mais de 1400 municípios com Wi-Fi público
Dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que, nos últimos dois anos, o número de cidades brasileiras com Wi-Fi aumentou 83%. Em 2014, eram 1.457 municípios em 14 estados do Brasil com conexão sem fio pública. Esse aumento é graças ao projeto Cidades Digitais, que possibilita a modernização da gestão dos municípios brasileiros com a implantação de infraestrutura de conexão de rede, tanto entre órgãos públicos quanto entre a população.

 

Big data ajudará a combater sonegação no Rio Grande do Sul
A Secretaria da Fazenda do Estado do Rio Grande do Sul está usando os princípios do Big data para combater fraudes e a sonegação. A proposta é simples: uma plataforma de processamento de informações fiscais vai monitorar e analisar em tempo real volumes de dados dos contribuintes estaduais, incluindo consumo de energia, gastos com telefonia, compras de matérias-primas, vendas e transporte de mercadorias. O sistema pretende agregar R$ 1 bilhão à arrecadação de ICMS a partir de 2018, o equivalente a 3,7% da receita esperada para 2015 com o tributo.

 

 

    Responder

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    *

E aí, pronto para começar?

Insira seu e-mail comercial