Seekr Blog

A Seekr, assim como você, ama ficar ligada nas principais tendências das
redes sociais e aqui você encontra conteúdos sobre
relacionamento, monitoramento e atendimento nas mídias sociais.

Atendimento em mídias sociais no segmento esportivo

SAC 2.0 - Publicado em 23 de Fevereiro de 2016

Atualmente, vive-se um momento em que a internet traz cada vez mais a ideia de que é preciso estar estrategicamente posicionado, independentemente do seu ramo de atuação. No esporte, isso não é diferente e, de uns tempos para cá, este mercado vem recebendo a atenção que lhe é devida.

Investir em posicionamento e atendimento em mídias sociais é importante no ramo dos esportes, uma vez que várias modalidades consistem em marcas valiosas e de grande potencial em função do número de simpatizantes ou torcedores (o que fica evidente no futebol, por exemplo). Hoje em dia, com a proporção que o engajamento tomou, é impensável que clubes e atletas não invistam – minimamente – em uma fanpage oficial no Facebook e em uma conta no Twitter.

 

Mas por que isso é tão importante?

Primeiramente, porque os times esportivos há muito tempo fazem parte de uma rede de negócios e, por isso, devem ter o mesmo tratamento em mídias sociais do que qualquer marca para, assim, estar onde o seu público está. Nas mídias sociais, o torcedor não deixa de ser um cliente ou ter o potencial de um.

O Twitter e o Facebook, por exemplo, são plataformas para extravasar a emoção. É lá que os torcedores e fãs irão expor sua opinião sobre contratações, ações, resultados. Qual é a empresa que não sonha com um feedback desses? E o melhor: se comparados com ações de marketing tradicional, atendimento e monitoramento em mídias sociais trazem um bom custo/benefício para o mercado dos esportes.

Se bem trabalhadas estrategicamente, as mídias sociais também servem como alavanca de vendas de produtos oficiais. No futebol, times como Palmeiras, Santos e Grêmio viram seu faturamento crescer depois de investir nas vendas via mídias online.

 

Lidando com emoções: a necessidade de um bom atendimento

Já falamos que o ramo dos esportes tem um potencial de monitoramento segmentado efetivo. No entanto, tão importante quanto conhecer os fãs é investir em um atendimento qualificado. O esporte lida com emoções e, quando isso acontece, o linear entre a comemoração e a crise é muito tênue. Cabe à equipe de atendimento interagir com o fã de forma qualificada a fim de proteger a marca.

Porém, nem tudo é crise! O bom atendimento somado a um bom monitoramento permite pesquisas de opinião efetivas: por meio de críticas e elogios, é possível analisar o que está agradando (ou não). Se você é do segmento do esporte, invista em mídias sociais, pois canais bem administrados são mecanismos importantes para a valorização da marca e da imagem da equipe.

 

    Responder

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    *

E aí, pronto para começar?

Insira seu e-mail comercial